NOTA DE ESCLARECIMENTO

07/07/2017
Assessoria de Comunicação Institucional - FETAEMA

NOTA DE ESCLARECIMENTO

 

Diante de publicações veiculadas na internet sobre fato ocorrido na última quarta-feira (05.07.2017) no município de Amarante (MA), envolvendo uma tentativa de ocupação de imóvel rural  que seria de propriedade da Empresa Siderúrgica Viena, localizado em Grajaú-Ma, a Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras do Estado do Maranhão vem a público esclarecer o que segue:

 

1. A mobilização realizada no dia 05.07.17 NÃO FOI ORGANIZADA pela sindicalista e presidente do STTR DE AMARANTE DO MARANHÃO, Sra. Cleiva Silva Santos, tratando-se de um movimento espontâneo de trabalhadores que lutam por terra em uma região onde existe forte concentração fundiária e uma demanda por terra que nunca foi atendida pelos governos responsáveis. 

 

2. Essa mobilização culminou com a prisão e o espancamento de 25 trabalhadores rurais, dentro do contexto de criminalização de lideranças e movimentos sociais que lutam por reforma agrária. Portanto, tais pessoas não podem se equiparadas a criminosos, porque simplesmente reivindicam  a política pública de acesso à terra, na forma da Constituição Federal.

 

3. Repudiamos qualquer tentativa de criminalização das nossas lideranças sindicais, sob a forma de acusações infundadas de autoria intelectual ou incitação à crimes, especialmente por ocasião em que lutar contra o latifúndio seja tarefa que pode ser levada a cabo pela própria iniciativa dos trabalhadores sem terra em luta pela sobrevivência.

 

4. Exigimos a imediata intervenção dos órgãos fundiários na questão, para que mais uma vez uma questão social não seja transformada em questão de polícia.

 

São Luís/MA, 06 de julho de 2017.

Francisco de Jesus Silva

Presidente da FETAEMA

 
© 2008-2017 fetaema.org.br - Todos os direitos reservados.