FETAEMA denuncia Conflitos Agr rios no MaranhÆo!

19/11/2013
Barack Fernandes
Pensando em informar a imprensa maranhense sobre os atuais n£meros de Conflitos Agr rios no MaranhÆo e sobre os avan‡os da pauta do Grito da Terra MaranhÆo 2013, a FETAEMA realizar  na tarde desta ter‡a-feira (19) uma importante e necess ria Coletiva de Imprensa.

A Coletiva ser  uma oportunidade para que jornalistas do MaranhÆo possam conhecer a dura realidade que afeta o campo maranhense, onde atualmente milhares de trabalhadores e trabalhadoras rurais estÆo sob amea‡a de jagun‡os e alguns destes agricultores (as) j  foram mortos por lutarem para permanecer em suas propriedades.

Durante a Coletiva, a imprensa maranhense tamb‚m saber  da diretoria da FETAEMA, os atuais avan‡os dos pontos da pauta do Grito da Terra MaranhÆo 2013, que aconteceu no mˆs de junho e culminou com a ocupa‡Æo da principal entrada de SÆo Luis, do INCRA e da SEDES.


Ap¢s o ato de ocupa‡Æo em junho, o Governo Federal (INCRA), Governo do Estado e Judici rio, apresentaram algumas respostas da pauta do GTM 2013. Onde ficou definido: A vistoria de aproximadamente 200 mil hectares de terras; Amplia‡Æo da Assistˆncia T‚cnica para 52 mil fam¡lias assentadas da Reforma Agr ria; Agilidade em todos os processos pendentes com emissÆo de posse; Vistoria em Todas as  reas quilombolas em situa‡Æo de conflito; RevisÆo na EmissÆo de T¡tulos pelo ITERMA no prazo de 90 dias em  reas de Conflitos Intensos; Agilidade no julgamento de casos de violˆncia no meio rural pelo Judici rio; Reestrutura‡Æo do Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural Sustent vel; entre outros pontos da pauta.

Outros pontos ainda continuam em negocia‡Æo junto ao INCRA e SEDES, atrav‚s da comissÆo de negocia‡Æo do GTM 2013, que deste junho vem sentando com representantes do Governo Estadual e Federal.

SÆo estes pontos que serÆo apresentados na Coletiva, para mostrarmos ao povo maranhense, sobretudo para os trabalhadores e trabalhadoras rurais, o que vem avan‡ando desde a realiza‡Æo do GTM 2013.

Um pouco sobre o Grito da Terra 2013!

Foram exatamente oito dias no mˆs de junho deste ano, em que a FETAEMA juntamente com os seus sindicatos filiados fizeram v rias manifesta‡äes para chamar a aten‡Æo dos Governos Federal, Estadual e Judici rio, quanto aos problemas alarmantes que afetam o campo maranhense.

Ainda no dia 18 de junho, mais de 5 mil trabalhadores e trabalhadoras rurais de todo o MaranhÆo, ocuparam por mais de 6h a principal entrada da capital SÆo Luis.

Em seguida os manifestantes seguiram em caminhada nas avenidas dos Guajajar s e Santos Dumont, e s¢ depois de 3km de reivindica‡äes, eles (as) ocuparam a sede do INCRA.

Enquanto a metade ocupou a sede do ¢rgÆo agr rio a outra parte seguiu para ocupar a de Secretaria de Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar do Estado do MaranhÆo (SEDES), no Centro Hist¢rico de SÆo Luis.

Da ocupa‡Æo at‚ o ultimo dia do ato, foram 6 rodadas de negocia‡Æo com o superintendente do INCRA, Jos‚ In cio Rodrigues e sua equipe, 4 rodadas de negocia‡Æo com o vice-governador do MaranhÆo, Washington Oliveira, o secret rio de da SEDES, Fernando Fialho, o secret rio de Meio Ambiente do MaranhÆo, Victor Mendes, o presidente do ITERMA, Luiz Alfrˆdo, entre outros representantes do Governo Estadual.

A comissÆo de negocia‡Æo GTM 2013 tamb‚m reivindicou v rios pontos da pauta junto ao Judici rio maranhense.

O ato encerrou no dia 25 na sede do INCRA, com uma m¡stica que fez referˆncia a luta justa dos trabalhadores e trabalhadoras rurais, ao modelo de manifesta‡Æo pac¡fica proposto pelo conjunto do MSTTR em todo o Brasil e com v rias falas pol¡ticas de toda a diretoria da FETAEMA. Cada palavra dos nossos dirigentes sindicais fizeram referˆncia a garra do MSTTR e tamb‚m de agradecimento pela resistˆncia nas ocupa‡äes!
 
© 2008-2017 fetaema.org.br - Todos os direitos reservados.